Areia, surf e sorrisos por todos os lados.

GS Trophy 2020 vai para o sul.

Que fantástico foi o segundo dia de atividades e descobertas na Nova Zelândia para as 22 equipes do GS Trophy 2020. A rota de 380 quilômetros levou os pilotos ao sul de Napier em direção à pequena cidade costeira de Castlepoint, na costa de Wairarapa. Ao longo do caminho, duas provas especiais trouxeram muita ação e emoção.

Força em números.

Força em números.

O primeiro desafio foi um percurso de cascalho na praia com motores desligados e tiras de reboque - coordenação da equipe e força bruta foram os ingredientes essenciais neste exercício cronometrado. Um contato sinuoso levou a outro destaque - um excelente passeio de areia com 'prática de drifting' na praia de Pourerere.

+ Leia mais

Escorregadio quando molhado.

Escorregadio quando molhado.

A segunda prova aconteceu na praia de Herbertville e foi apropriadamente intitulada 'Burt Munro Memorial Sprint', como um aceno para o famoso piloto kiwi. A maré alta havia deixado a praia úmida, o que tornava esse desafio divertido de assistir e ainda mais divertido para quem ia pilotar. O almoço foi tomado com vista para o Oceano Pacífico antes de partir em uma mistura de trilhas on e off road através de florestas e colinas para outro local à beira-mar durante a noite.

+ Leia mais

Capturado na câmera.

Capturado na câmera.

No segundo dia foi realizada a primeira das duas competições fotográficas, com equipes enviando suas melhores composições para serem apresentadas no site gstrophy.com durante 24 horas de votação pública. E para encerrar um dia cheio de ação, as equipes foram submetidas a uma demonstração de manejo de ovelhas antes que os pontos do dia fossem concedidos para as duas provas especiais.

+ Leia mais

Após outro forte desempenho no dia 2 de 8, a Equipe Coréia do Sul liderou a classificação, com a França em segundo e os EUA em terceiro.

           

+ Leia mais
spinner